GP da Itália: corrida pelo equilíbrio

GP da Itália: corrida pelo equilíbrio
FacebookTwitterFacebook MessengerWhatsAppShare

Fim de semana especial para o inglês, que se tornou o piloto com maior número de pole positions da história e largará em primeiro no GP da Itália (Foto: REUTERS/Max Rossi)

Hamilton larga na pole e Vettel somente em 6º, mas a disputa continua viva em Monza

Nesse domingo, um dos circuitos mais icônicos da história da Fórmula 1 será palco de mais um capítulo da estridente rivalidade que tem agitado a categoria em 2017.  Sebastian Vettel e Lewis Hamilton duelarão pelos 25 pontos que podem sacudir a briga no campeonato de pilotos: em caso de vitória alemã, o tetracampeão aumentará a sua vantagem; mas caso o britânico seja o vencedor, com o adversário em segundo, tudo ficará igual na tabela. Após reduzir a distância para o rival vencendo o último GP da Bélgica, buscar o equilíbrio neste fim de semana é fundamental para Hamilton. Já para Vettel, que até agora não tem tido perspectivas tão boas quanto as de seu oponente, vencer é uma questão vital para a continuidade do sonho do penta.

Assim como seu antecessor no calendário, Spa-Francorchamps, o autódromo de Monza é um dos mais adorados pelos fãs do esporte à motor.  Presente na categoria desde o seu surgimento (exceto em 1980, quando o GP da Itália foi sediado em Ímola), o circuito de alta velocidade é conhecido pelas suas retas longas e curvas que demandam precisão da parte do piloto. O traçado exige confiabilidade técnica do carro e o máximo de força das unidades de potência, o que coloca desde já a Mercedes como a favorita. A excelência de seu motor sobre os outros competidores já se mostrou em evidência desde o início das atividades em Monza, na sexta-feira. Hamilton comandou o primeiro treino livre, tendo seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas, logo atrás. Já na segunda sessão, os papéis se inverteram; foi o finlandês quem ditou o ritmo no treino.

Lutando pela vitória na casa da equipe rival, Lewis Hamilton terá que encarar o mar vermelho dos tifosi (Foto: Youtube/Reprodução)

O terceiro treino livre, realizado neste sábado, teve os resultados afetados pela chuva, assim como o classificatório. Faltando menos de 15 minutos para o fim do tempo, Felipe Massa foi um dos poucos pilotos que arriscaram e com isso, conseguiu ser o mais rápido do dia.

O treino classificatório por pouco não foi adiado para o domingo devido ao mau tempo. Após uma paralização de quase 2 horas e meia, a bandeira verde deu reinício ao qualy, no qual novamente a Mercedes sobrou. Lewis Hamilton anotou nos minutos finais o tempo de 1m35s554, conquistando a marca histórica de 69 pole positions em sua carreira, a melhor de todos os tempos. E se as coisas já estavam boas para a montadora alemã, ficou melhor: o rival direto do britânico, Sebastian Vettel, não teve um fim de semana dos melhores e classificou-se apenas em 6º. Diferente de Hamilton, terá um pouco mais de trabalho para lutar pelo 1º lugar.

Lar, doce lar

Apesar da notável vantagem técnica da Mercedes, a Ferrari ainda tem suas razões para acreditar na chance de vitória, e não se trata apenas do talento e experiência de seus dois pilotos – em especial o candidato ao título, Sebastian Vettel. Monza é a casa da scuderia, circuito onde o apoio da torcida mais tradicional da F-1 é maciço e pode dar à equipe o gás que pode lhe faltar em algum momento.

Por mais que Monza não seja um local hostil para Hamilton, que conquistou ali 6 pole positions e 3 vitórias, o local será muito mais familiar para a equipe de Vettel e Raikkonen. Além disso, o time italiano não está tão atrás de sua rival alemã no que se diz ao equipamento, o que traz mais equilíbrio à disputa na pista e também torna mais difícil a tarefa de apostar todas as fichas em um único vencedor. No que diz respeito à rivalidade entre as construtoras, a certeza é de que todos esses fatores são extremamente benéficos para a competição.

Fator surpresa

O GP de Monza pode ser um dos poucos a fugirem do convencional. Isso se deve à pequena variedade presente no grid de largada, resultado da chuva durante a qualificação e da atuação dos carros e das unidades de potência no circuito. A principal surpresa é a presença de Lance Stroll em um inesperado 2º lugar, ao lado de Lewis Hamilton. A bordo da Williams, que há muito tempo vem realizando temporadas abaixo da expectativa, o canadense de 18 anos conquistou a 4ª posição, mas subiu devido a punição recebida por Verstappen pela troca de equipamento, e bateu o recorde do próprio de piloto mais jovem a largar na primeira fila de um grande prêmio. A segunda surpresa fica por conta de Esteban Ocon, da Force India, que superou o colega de equipe – e desafeto – e conquistou o 3º lugar na classificação.

Com apenas 18 anos, Lance Stroll largará na frente no grid pela primeira vez em sua carreira (Foto: Autosport/Reprodução)

Segundo postulante ao título, Sebastian Vettel teve que se contentar com um 6º lugar, tendo seu companheiro de equipe, Kimi Rakkonen, à frente, em 5º. Mas apesar da distância, a certeza é de que o alemão não deixará barato.
O grande prêmio de Monza começa às 9h da manhã do domingo (3), e é certo que o resultado da corrida seguirá vago até as voltas finais. A única certeza é de que um dos circuitos mais marcantes da Fórmula 1 reservará grandes disputas para o público.

Leia também nosso texto sobre Vettel e Hamilton: quem é o piloto da década?

FacebookTwitterFacebook MessengerWhatsAppShare
Bruna Rodrigues

Bruna Rodrigues

Jornalista em formação, flamenguista de nascimento e fã de automobilismo – em especial, F1 e IndyCar. Transfere para as palavras a emoção e a paixão que o esporte desperta e, nas horas vagas, também é fã de ficção científica. Vida longa e próspera!



Related Articles

IndyCar: um sonho

Depois de 6 anos na IndyCar Series, Josef Newgarden conquista seu primeiro título na categoria (Foto: IndyCar/Joe Skibinski) O garoto

Vettel vence novamente no GP do Bahrein

A festa é da Ferrari (Foto: Sutton Motorsport Images) A terceira etapa da temporada foi, sem dúvida, a mais emocionante

Mônaco: a grande festa da Fórmula 1

O Grande Prêmio de Mônaco está chegando! Saiba mais sobre essa corrida!   No próximo domingo, a temporada de Fórmula

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*

error: Couteúdo protegido