Durant brilha e Warriors atropelam Cavs no jogo 1

Durant brilha e Warriors atropelam Cavs no jogo 1
FacebookTwitterFacebook MessengerWhatsAppShare

Kevin Durant em uma das muitas enterradas na partida(Foto:Garrett Ellwood/NBAE via Getty Images)

Após início equilibrado, erros de Cleveland fizeram a diferença. Curry e Durant combinaram para 66 pontos e GSW vence por 113 a 91

Na primeira partida das finais da NBA de 2017, o Golden State Warriors, jogando em casa, atropelou o Cleveland Cavaliers por 113 a 91 na noite desta quinta-feira (01/06).

Com as expectativas em alta devido a terceira final seguida entre as equipes, a expectativa era de um jogo duro e equilibrado. E foi exatamente assim durante os primeiros minutos. Um ritmo extremamente acelerado e emocionante para qualquer fã do melhor basquete do mundo.

A atenção era direcionada a Kevin Durant. Com a polêmica decisão de se juntar ao Warriors em busca do título, o ala se tornou a cereja do bolo dessa mistura de super-estrelas formada pela equipe de Oakland. E ele não decepcionou. Imparável, com 38 pontos anotados mesmo sendo marcado justamente por LeBron James – algoz de sua única final, em 2012 com OKC – pela maior parte do jogo.

LeBron tentou muito trazer seu time para a partida. Mas o “King” errou demais. Dos 20 erros de Cleveland, 8 foram dele. Ainda assim, James fez mais uma partida sensacional com 28 pontos, 15 rebotes e 8 assistências.

Além dos diversos erros, o Cavaliers pecou tanto na parte ofensiva quanto na defensiva. Tirando James, Irving e Love, todo o resto do elenco contribuiu muito abaixo do esperado. Tristan Thompson e JR Smith, ambos titulares, tiveram uma atuação péssima em quadra.

Na defesa, Cleveland prôpos uma tática de evitar a todo custo as bolas de três de Golden State. Porém, isso acabou se tornando uma faca de dois gumes. É verdade que foi eficiente e os Warriors tiveram um aproveitamento de apenas 35% (12 acertos em 33 tentativas). No entanto, na tentativa de evitar um chute da zona morta, a marcação abria uma avenida em direção a cesta. Durant se aproveitou, e por diversas vezes viu-se livre para fazer uma enterrada e levantar a torcida na Oracle Arena.

A expectativa agora é pela segunda partida, marcada para as 21 horas do próximo domingo (04/06) ainda em Oakland, qual será a reação de Cleveland após essa dura derrota e se Durant, Curry e companhia farão outra partida espetacular.

No aguardado reencontro em finais, deu Durant na primeira partida (Foto: Andrew D. Bernstein/NBAE via Getty Images)

O Jogo

O começo foi como se esperava, extremamente equilibrado com as equipes trocando cestas e o placar apertado. Os Warriors tentavam impor sua correria e Cleveland devolvia na mesma moeda. O duelo entre Kevin Durant e LeBron James botava fogo no jogo. Ambos faziam partidas muito boas e colecionavam pontuações altas logo no primeio quarto que terminou em 35 a 30 para os donos da casa.

No entanto, além de Durant, Golden State contou com Steph Curry, Andre Iguodala e até Zaza Pachulia tendo boas atuações. Do outro lado, tirando o Big Three (James, Irving e Love), o resto do elenco do Cavs pouco contribuía. Com muitos erros e  uma marcação desorganizada, os visitantes se perderam em quadra e sofreram muitos pontos de contra ataque, principalmente dentro do garrafão. Ainda assim, conseguiram manter uma diferença relativamente pequena indo para o intervalo (60 a 52).

Na volta, só deu Warriors. Foram 13 pontos seguidos, enquanto o Cavaliers só marcou após quatro minutos do reinício com uma bola de três de LeBron. A vantagem era de 21 pontos, até que Cleveland conseguiu reduzi-la para apenas 12. No entanto, Golden State voltou com o ritmo forte e aplicou 13 a 4 nos minutos finais deixando o placar em 93 a 72.

Pelo último quarto, a situação do jogo não sofreu alterações, a vantagem se mantinha na faixa dos 20 pontos. Restando pouco mais de 4 minutos e sem perspectiva de mudanças, os treinadores colocaram seus reservas em quadra, que trocaram cestas durante o garbage time até o final da partida que consagrou uma vitória maiúscula dos Warriors por 113 a 91.

Destaques

Kevin Durant foi o grande destaque da partida ao flertar com o triplo-duplo anotando 38 pontos, pegando 8 rebotes e distribuindo 8 assistências. Steph Curry também foi muito bem com 28 pontos, 10 rebotes e 6 assistências.

O destaque negativo ficou por conta de Klay Thompson, que mais uma vez teve atuação apagada: apenas três acertos em 16 arremessos e terminou a noite somente com 6 pontos.

Do lado de Cleveland, LeBron James foi o cestinha com 28 pontos, pegou 15 rebotes e deu 8 assistências. Completando o Big Three,  Kyrie Irving fez 24 e Kevin Love 15, e também 21 rebotes.

Negativamente, o pivô Tristan Thompson ficou 22 minutos em quadra e saiu zerado, errando os 3 únicos arremessos que tentou. JR Smith, outro titular, também foi mal e com 28 minutos jogados só fez 3 pontos. Quanto aos reservas, apenas o veterano Richard Jefferson (9 pontos), Iman Shumpert (5 pontos) e Dahntay Jones (7 pontos, porém já no garbage time) contribuíram.

Kyle Korver (20 minutos) e Deron Williams (19 minutos) também terminaram a partida sem pontuar.

FacebookTwitterFacebook MessengerWhatsAppShare
Felipe Coelho

Felipe Coelho

Apaixonado por esportes e por redação desde pequeno, demorou a perceber que poderia unir essas duas paixões como forma de viver e se expressar. Se jogou de cabeça relativamente tarde no basquete, mas a partir daí não parou mais. Até se esforça na hora da pelada, mas a habilidade só existe nos videogames mesmo. Nerd de carteirinha, coleciona milhares de horas na Steam. Football Manager player since 2005.



Related Articles

LeBron dominante garante vitória do Cavs; Clippers derrotam Mavs com facilidade

Em noite de LeBron James, Cavaliers derrotam Celtics e recuperam a liderança da Conferência Leste (Foto: Brian Babineau/NBAE via Getty

Vai e vem da NBA: Divisão Sudoeste

Quais são as expectativas Divisão Sudoeste, casa de Spurs e Rockets? Como aquecimento para o início da temporada, a RISE

No retorno de Nezinho, Vasco tem 1º quarto arrasador e atropela o LSB no Rio

O armador Nezinho teve boa atuação e liderou a vitória do Vasco. (Foto: Paulo Fernandes/vascodagama) Confronto ocorreu em horário inusitado por

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*

error: Couteúdo protegido