Napoli x Roma: Temos um campeonato

Napoli x Roma: Temos um campeonato
FacebookTwitterFacebook MessengerWhatsAppShare

Torcida da Roma faz festa mesmo com o time decepcionando na temporada (Foto: fb.com/officialasroma)

Após verem a Juventus abrir folga na liderança, Roma e Napoli brigam nas últimas oito rodadas pelo vice campeonato

Desde o começo da Serie A desta temporada, todos sabíamos que seria praticamente impossível acabar com a hegemonia de cinco títulos da Juventus, sobretudo após o time do Piemonte gastar rios de dinheiro na janela de transferências para tirar de seus maiores rivais ao Scudetto as suas duas principais estrelas. Entretanto, Napoli e Roma seguem sonhando em conquistar a Itália, mesmo com uma diferença considerável para a líder, que está invicta há 10 rodadas.

A última tentativa do time napolitano de se aproximar de vez da Juve e tentar dar uma arrancada final nos últimos oito jogos aconteceu na semana passada quando os napolitanos receberam o time do Piemonte no San Paolo, mas o empate em 1 a 1 os colocou em uma situação difícil – até mesmo na briga pelo segundo lugar contra a Roma. Na Itália, o vice-campeonato garante vaga direta para a Liga dos Campeões da Europa, o que dá à colocação uma questão mais do que simbólica.

Com 20 gols, Dries Mertens (centro) é o artilheiro do Napoli na competição (Foto: Getty Images)

Com a Juve nadando de braçadas na Serie A, mesmo com a distância de seis pontos não sendo a maior que já foi imposta pelo time de Dybala na ponta do Italiano, não é factível que a Juventus possa perder mais de duas partidas nas últimas oito rodadas. O time precisou de 21 para acumular 4 derrotas, ou seja, uma derrota a cada 5 jogos. Na Itália, a briga que promete é a pelo segundo lugar, e pelos times que a disputam, ela promete ser bastante interessante.

Para começar, em uma rápida análise de tabela do Campeonato Italiano, percebe-se que ambos os times possuem um ataque superior ao da Juve. Napoli, com 69 gols marcados, é a equipe que mais marcou no campeonato, enquanto a loba da capital aparece em segundo lugar no quesito, com três gols a menos do que os napolitanos. Olhando para a defesa, a Roma, com 26 gols sofridos, possui o segundo melhor número da competição, justamente atrás da líder Juventus, cujo sistema defensivo é considerado o melhor do mundo.

Artilheiro do Campeonato com 23 gols, Dzeko é o destaque da Roma (Foto: fb.com/officialasroma)

Times que jogam para frente

Por muitas vezes, o melhor futebol jogado dentro da Itália não pertence ao clube que domina o futebol italiano há quase seis temporadas. Vem de Nápoles o estilo mais vistoso de jogar bola. Mesmo com a quarta melhor defesa da competição – sofreu 33 gols -, podemos dizer que o time de Maurizio Sarri é mais especialista em atacar do que em defender. Ao olhar os jogos contra o Real Madrid pela Liga dos Campeões, pudemos perceber a grande dificuldade da defesa napolitana em não falhar.

Entretanto, mesmo tendo um ataque que encanta o bel paese, esse setor do Napoli também tem o seu calcanhar de Aquiles, não tão forte quanto as emoções que o zagueiro Raúl Albiol fazem os napolitanos passar. Mertens, Insigne, Callejón e Milik param quando veem um time postado em um esquema com três zagueiros. Na temporada, o time  sofreu contra adversários considerados mais fracos que adotaram a linha de três na zaga, inclusive sendo derrotado por 2 a 0 em casa para a Atalanta.

Com duas vitórias a menos que a Juventus na tabela, a Roma é outro time que possui um futebol vistoso e uma equipe que poderia fazer muito mais do que faz. Se em casa o segundo lugar é o máximo que a equipe pode alcançar, devido à diferença técnica e tática para a Velha Senhora, fora dela o time da capital poderia fazer bem mais bonito. Desclassificada na fase preliminar da Liga dos Campeões diante do Porto e eliminada pelo Lyon nas oitavas de final da Liga Europa, a equipe foi bem aquém do que era esperado, já que os seus adversários eram bastante viáveis.

Também eliminada da Coppa Italia pela sua maior rival, a Lazio, restou ao time de Luciano Spalletti não decepcionar mais uma vez sua bela torcida e garantir o vice-campeonato nas últimas oito rodadas da competição. Como já enfrentou o Napoli duas vezes – uma vitória e uma derrota – a Roma só depende de si para garantir o segundo lugar, com a esperança de ainda fazer o improvável e faturar o título, já que os Romanistas enfrentam no dia 14 de maio no Olímpico a Juventus, que até lá já poderá ter garantido matematicamente o título.

Os confrontos

Com uma vitória para cada lado no campeonato, o confronto Napoli x Roma está longe de ser equilibrado. Olhando para os últimos 16 anos, as duas equipes já se enfrentaram 26 vezes com 13 vitórias para a Roma, 7 empates e apenas 6 vitórias do Napoli. Entretanto, como eles não se enfrentam mais pelo torneio neste ano, é necessário olhar para a tabela dos próximos oito adversários para cada um para tentar fazer um prognóstico. Por enquanto, temos:

1º Juventus – 77 pontos/31 jogos/25 vitórias

2º Roma – 68 pontos/30 jogos/22 vitórias

3º Napoli – 64 pontos/30 jogos/19 vitórias

4º Lazio – 60 pontos/30 jogos/ 18 vitórias

A tabela

Ao olhar a lista de jogos de ambas equipes, podemos concluir que nenhuma das duas terá vida fácil na briga pelo vice-campeonato. Com quatro clássicos pela frente, o Napoli tem uma pequena desvantagem em relação à Roma, que fará três partidas contra os times considerados grandes. Ambos farão quatro jogos dentro de casa e quatro fora, mas a Roma terá quatro adversários que estão na parte de baixo da tabela – a partir do décimo lugar -, enquanto o Napoli enfrentará três equipes da parte inferior do certame.

O fiel da balança

Parece ironia do destino, mas o fiel da balança nessa disputa entre os dois times poderá ser a maior rival da Roma, a Lazio. Ambos enfrentam o time de Inzaghi, que vem fazendo uma bela campanha, na quarta colocação. A Roma faz o Derby della Capitale com os Laziale na 34ª rodada, enquanto o Napoli enfrenta a equipe neste final de semana pela 31ª rodada, em Roma, mas mesmo em caso de vitória sobre os biancoceleste e de derrota da Roma para o Bologna, os napolitanos não conseguem alcançar a segunda colocação, já que estão a quatro pontos dos giallorossi.

Porém, mesmo com uma vantagem de mais de uma rodada sobre os napolitanos, a briga promete ser intensa, já que a Roma já entregou a paçoca para o Napoli na temporada passada, quando na reta final acabou se complicando e deixando ser ultrapassada pelos sulistas nas últimas rodadas.

Há um campeonato na Itália, mas a disputa não é pelo primeiro lugar!

 


Douglas Dayube

Apaixonado por esportes, não importa aonde ele esteja sendo disputado. Desde os gramados do Maraca até o circuito de Spa, espero levar sempre conteúdo de qualidade aos leitores do RISE.

FacebookTwitterFacebook MessengerWhatsAppShare
RISE Esportes

RISE Esportes

Somos comunicadores. Jornalistas e publicitários. Mas antes de tudo, estudiosos - e apaixonados. Vivemos isso 24/7. Acreditamos no esporte como um fenômeno que transcende o lazer. Para nós, é mais que um jogo. É altruísmo, confiança, superação. É talento. Estilo de vida e ferramenta de transformação. E continua paixão. A RISE Esportes é uma iniciativa feita à várias mãos. Enxergamos a necessidade de uma reeducação na maneira como enxergamos o jogo. É isso que une pessoas tão diferentes. Nossa proposta é desenvolver um espaço de conversa e reflexão através de uma produção de conteúdo que adicione valor ao debate esportivo.



Related Articles

Juventus x Real Madrid – Um duelo de gigantes

Final em Cardiff colocará frente a frente Juventus e Real Madrid, 19 anos após a última final entre os dois.

Inter x Milan: a briga por uma vaga na Europa

Milan e Inter revivem clássico decisivo com saudades do passado (Foto: Reuters) Times de Milão se enfrentam neste sábado pela

Raio-X: A honra da Itália veste bianconero

Desde a temporada 2012-13 que apenas a Juve consegue representar a Itália além das oitavas de final da Champions (Foto:

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*

error: Couteúdo protegido