Curry marca 29 pontos e lidera virada dos Warriors contra os Spurs

Curry marca 29 pontos e lidera virada dos Warriors contra os Spurs
FacebookTwitterFacebook MessengerWhatsAppShare

Stephen Curry sendo marcado por Tony Parker (foto: Noah Graham/NBAE via Getty Images)

Golden State se recupera de péssimo 1º quarto, reverte desvantagem de 22 pontos e praticamente garante melhor campanha da temporada

Na noite desta quarta (29/03), o Golden State Warriors superou o San Antonio Spurs por 110 a 98, fora de casa, no AT&T Center no Texas. Juntos os “Splash Brothers” – Stephen Curry e Klay Thompson – marcaram 52 pontos e novamente foram fundamentais para a vitória da equipe californiana.  

É o nono triunfo seguido dos Warriors, que só perderam uma das últimas 10 partidas disputadas e agora se distanciam de San Antonio na busca pela melhor campanha da temporada. Embalados pelas conquistas contra seus adversários diretos, os líderes da Conferência Oeste enfrentarão o Houston Rockets, na próxima sexta-feira (31/03).

Além da boa fase, a “DubNation” pode comemorar a notícia de que o astro Kevin Durant, será reavaliado na próxima semana e a expectativa é de que ele consiga voltar às quadras antes do final da temporada regular.

Já a equipe texana, teve sua sequência de 5 vitórias seguidas encerradas. Com um repertório de 57 vitórias e 17 derrotas, agora dependem de tropeços de Golden State para poderem voltar a sonhar com a liderança da Conferência. Seus próximos adversários são o Oklahoma City Thunder, também na sexta, e depois o Utah Jazz, no próximo domingo(02/04).

 

Kevin Durant se aquecendo antes da partida. Retorno do ala está próximo de acontecer (foto: Noah Graham/NBAE via Getty Images)

O Jogo

Começando a partida de forma completamente sonolenta, os Warriors foram dominados por um San Antonio impecável. Com quatro minutos de jogo, o placar marcava 15 a 0 para os texanos, quando Steph Curry acertou sua primeira bola de três e os primeiros pontos de Golden State. Do outro lado, Danny Green já havia marcado 9 pontos e levava a torcida à loucura com seus acertos de longe. O entusiasmo da torcida foi tanto que gritos de “MVP” ecoavam para Kawhi Leonard, estrela da equipe. Com uma marcação intensa e sufocante, além de atacar de forma efetiva, os Spurs terminaram o quarto vencendo por 33 a 17.

As entradas de Andre Iguodala e Shaun Livingston ajudaram a reduzir o estrago causado pelo 1º período. E mesmo, pecando nos rebotes — apenas 9 contra 20 de SAS — e nos turnovers (8), as bolas dos Warriors começaram a cair e o placar se aproximava. Sentindo muitas dificuldades e sem conseguir manter a intensidade na defesa, San Antonio viu sua vantagem ser destruída. Gregg Popovich tentou. Deu a característica bronca no elenco, que teve uma pequena reação, conseguindo se manter à frente no intervalo (57 a 54).

Na volta, o apagão texano continuava. Golden State aproveitou e tomou a liderança, muito devido aos “Splash Brothers”, que resolveram finalmente aparecer como protagonistas no jogo. Kawhi, pouco inspirado, continuava errando muito. Sobrava, então, para LaMarcus Aldridge e Pau Gasol tentar manter San Antonio vivo na partida. Resultado parcial de 84 a 77 para o time da Califórnia.

O último período, não foi muito diferente. Os Spurs não demonstravam força para conseguir se reerguer e tentar buscar a virada. Klay Thompson e principalmente David West acabaram com qualquer vestígio de reação e com isso, os Warriors apenas administraram a vantagem no placar até o final.

Destaques

Stephen Curry foi o homem do jogo e cestinha com 29 pontos e também 11 assistências. A outra metade dos “Splash Brothers”, Klay Thompson terminou a partida com 23 pontos. David West e Andre Iguodala, com 15 e 14, respectivamente, tiveram boas atuações saindo do banco.

Do outro lado, Kawhi Leonard (19), Pau Gasol (18), LaMarcus Aldridge (17) e Danny Green (16) foram os melhores da equipe texana. Destaque negativo para o armador Tony Parker, que permaneceu 24 minutos em quadra, mas não conseguiu pontuar (0 acertos em 4 tentativas) e deu apenas 2 assistências.

Catch-and-Shoot:

Depois de estar perdendo por mais de 20 pontos, o Oklahoma City Thunder se recuperou, levou o jogo para o OT e venceu o Orlando Magic, fora de casa por 114 a 106. O destaque não poderia ser outro: Russel Westbrook. O armador fez 36 dos seus 57 pontos após o intervalo e ainda anotou 13 rebotes e 11 assistências no seu 38º triplo-duplo da temporada. Com o triunfo, OKC garantiu presença nos playoffs do melhor basquete do mundo. Do lado do Magic, o ala-armador Evan Fournier com 24 pontos foi quem teve melhor atuação.

O Milwaukee Bucks conseguiu um excelente resultado ao bater o Boston Celtics por 103 a 100, no TD Garden em Boston. O “Greek Freak” Giannis Antetokounmpo flertou com o duplo-duplo ao anotar 22 pontos e 9 rebotes. O ala-armador Khris Middleton com 19, também teve uma boa atuação. Já pelo lado celta, os 32 pontos do baixinho Isaiah Thomas não foram suficientes para impedir a derrota que põe a equipe de volta a 2ª colocação da Conferência Leste. O Cleveland Cavaliers aproveita e recupera a liderança.

Após duas derrotas sofridas nos últimos 3 jogos, o Los Angeles Clippers conquistou importante vitória em cima do Washington Wizards por 133 a 124 no Staples Center em LA. O ala-armador J.J Redick com 31 pontossua melhor marca na temporada —, Chris Paul (27 e 13 assistências), Blake Griffin (26) e DeAndre Jordan (23 e 18 rebotes) foram os destaques do Clippers. Pelos Wizards, a dupla John Wall e Bradley Beal combinou para 68 pontos (41 e 27, respectivamente) dos 124 marcados pela equipe da capital.

FacebookTwitterFacebook MessengerWhatsAppShare
Felipe Coelho

Felipe Coelho

Apaixonado por esportes e por redação desde pequeno, demorou a perceber que poderia unir essas duas paixões como forma de viver e se expressar. Se jogou de cabeça relativamente tarde no basquete, mas a partir daí não parou mais. Até se esforça na hora da pelada, mas a habilidade só existe nos videogames mesmo. Nerd de carteirinha, coleciona milhares de horas na Steam. Football Manager player since 2005.



Related Articles

A surpreendente decisão de Kyrie Irving

Kyrie Irving estaria cansado de ser o “Robin” de LeBron James (Foto: Gregory Shamus/Getty Images) Insatisfeito com a posição de

Wizards vencem Celtics nos segundos finais e levam a decisão para o jogo 7

(Foto: divulgação/Washington Wizards) John Wall acertou um arremesso de 3 pontos aos 3,9 segundos restantes do último quarto e  impediu

Thompson dá show nas bolas de três e Warriors vence Grizzlies por 106 a 94

Foto: Klay Thompson comemora após acertar bola de três pontos em partida na Oracle Arena. (Créditos: AP/Marcio Jose Sanchez) Golden

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*

error: Couteúdo protegido